Artigos



Artigos Relacionados




Tenho medo de procedimentos estéticos! O que eu faço?

A resposta para essa pergunta é: “Que bom que você tem dúvidas e medos! Isso é sinal de zelo pela própria saúde”.

Na última década, um crescente número de procedimentos que prometem a juventude invadiu jornais e revistas. A grande quantidade de máquinas e técnicas acabam por confundir ainda mais quem começa a pesquisar o assunto. Além disso, ao mesmo tempo em que vemos lindas mulheres envelhecendo ainda mais belas, deparamo-nos com verdadeiras aberrações.  Uma escolha consciente deve passar por todas as etapas abaixo:

  1. Escolha do profissional: marque uma consulta com especialista da área de Dermatologia ou Cirurgia Plástica, pois são médicos que passaram por uma longa formação, que inclui 6 anos de Medicina e mais 3 anos de Residência Médica. Não há outro profissional com maior número de anos de estudo na área de estética. Verifique se o profissional é credenciado nos sites da Sociedade Brasileira de Dermatologia ou na Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Isso significa que o médico foi submetido a um rigoroso exame para ser aceito como membro da Sociedade. Outra dica é seguir a indicação de seu médico de confiança (clínico geral, ginecologista, geriatra).
  2. Procedimentos seguros são aqueles já utilizados em Medicina há um bom número de anos. Isso permite a verificação dos efeitos a longo prazo nos pacientes. Por exemplo, toxina botulínica é utilizada em Dermatologia há mais de 15 anos. Portanto, já é possível afirmar que é um procedimento seguro, no qual eventuais complicações são transitórias. O mesmo acontece com o aparelho de laser de diodo para depilação. No mercado há mais de 10 anos, mostrou-se eficaz e sem riscos a longo prazo para a saúde.
  3. Lembre-se que cada rosto tem suas particularidades. Não é possível reproduzir o mesmo resultado que a amiga ou irmã obteve, pois o grau de flacidez e a profundidade das rugas variam entre os indivíduos. Um profissional competente e honesto será capaz de explicar-lhe qual o melhor procedimento e porquê.
  4. Depois de escolhido o profissional e o procedimento estético a ser realizado, deve-se refletir sobre as expectativas quanto ao resultado, ou seja, qual o tamanho do benefício. Expectativas irreais podem trazer frustração. É possível melhorar muito e com segurança a própria aparência, mas dentro de certos limites.
  5. Lembre-se que não existe um tratamento único capaz de resolver, numa única sessão, rugas, manchas, cicatrizes e flacidez. Existe um conjunto de procedimentos diferentes, que quando aplicados em sequencia, trazem um resultado mais completo.




Uma Resposta para Tenho medo de procedimentos estéticos! O que eu faço?

  1. Erminda Sonia Torres disse:

    Fantástico, os artigos, videos e demais informações sobre todos os procedimentos estéticos,estou mais segura e minhas duvidas diminuíram.


Deixe seu comentário ou dúvida sobre este artigo


(obrigatório)